A Apple liberou ontem, 29, a venda de iPhones 5 desbloqueados, ou seja, livres de contratos com operadoras como as norte-americanas At&T, Sprint e Verizon.

Com a novidade, já é possível adquirir um aparelho nos Estados Unidos e usá-lo em outros lugares – como o Brasil – sem precisar hackeá-lo. Mas o preço a ser pago por isso é salgado.

Enquanto o modelo mais barato do smartphone (16 GB) sai por US$ 199 quando amarrado a uma das operadoras, o mesmo aparelho custa US$ 649 na versão “livre”. O mais caro, com 64 GB, custa US$ 399 com operadora e US$ 849 sem.

A Apple avisa que os telefones não suportam redes CDMA, só as GSM, e que cada cliente poderá adquirir apenas duas unidades (saiba mais, clique aqui!).